PERGUNTAS FREQÜENTES

  • Aeromodelismo

    • Quero aprender. Como?

      Procure saber se há um clube de aeromodelismo perto de sua cidade. As lojas especializadas poderão lhe dar as informações sobre as atividades de aeromodelismo, onde praticar, instrutores, etc.

      Vá ao clube, observe, converse com os praticantes e procure informações em revistas especializadas e na internet.

    • Posso aprender a voar sozinho?

      Não é recomendável!

      Alguns pequenos modelos elétricos como os da HobbyZone são concebidos para que os iniciantes possam voá-los sozinhos com grande chance de êxito.

      Porém o aprendizado para voar um aeromodelo R/C tradicional não se adquire de um dia para o outro. A tentativa de voar sozinho com certeza incorrerá em prejuízos e atenta contra a segurança.

      O uso de um simulador é uma grande ajuda mas não substitui o instrutor.

    • Por que preciso de um instrutor?

      O instrutor primeiramente irá voar seu aeromodelo e fazer os pequenos ajustes que forem necessários antes de iniciar as aulas de vôo.

      O instrutor irá passando as instruções e observações para você de forma gradual e oferecendo a segurança de poder retomar o controle do aeromodelo sempre que necessário.

      A tentativa de iniciar-se no vôo radio controlado sem a presença do instrutor é frustrante e perigosa.

      Procure um instrutor qualificado que possa lhe ensinar com a ajuda de um cabo "trainer" que conecta seu transmissor de rádio ao rádio do instrutor e permite a imediata transferência de comandos entre os rádios.

    • Qual o melhor tipo de aeromodelo para aprender a voar?

      São os aeromodelos do tipo "trainer" normalmente de asa alta, com trem de pouso triciclo e 4 canais de comando. Estes modelos tem os quatro comandos básicos, são bastante estáveis, resistentes e fáceis de voar.

      Veja aqui neste site em "Dicas" alguns destes aeromodelos e sugestões de rádios, motores e acessórios.

      Clique aqui para acessar o artigo.

    • O que são modelos “ARF” e “RTF”?

      Os modelos "ARF" são modelos quase prontos para voar (Almost Ready to Fly).  Estes modelos tem toda a estrutura básica já montada e revestida ficando a montagem final e instalação de acessórios e equipamentos por conta do modelista.

      Já os modelos "RTF" (Ready to Fly), são modelos prontos com acessórios e equipamentos como rádio e motor já instalados ficando por conta do modelista apenas a colocação simples da asa e empenagem na fuselagem quando a embalagem não comporta o modelo inteiramente montado.

      Os aeromodelos "RTF" são extremamente práticos para os iniciantes.

    • Fiquei apaixonado pelo Mustang P-51 que vi na loja! Posso aprender a voar com ele?

      A princípio não. Os modelos em escala de modo geral e os aviões de guerra em particular, são mais ariscos e requerem maiores habilidades dos pilotos.

      Comece com um modelo "trainer" adequado e se prepare bem para num estágio seguinte voar com sucesso o "avião de seus sonhos".

      A Hangar 9, pensando no grande número de apaixonados pelo P-51, desenvolveu um modelo do Mustang com modificações especialmente para os principiantes. É o P-51 Mustang PST (HAN 2850), um "trainer" pronto para voar (TRF) com dispositivos removíveis que podem ser retirados quando o piloto estiver capacitado a voá-lo como um modelo esporte acrobático.

    • O que preciso adquirir além do aeromodelo, para iniciar no aeromodelismo?

      Se você adquirir um aeromodelo "RTF" já terá o rádio e o motor instalados no modelo. Se for escolhido um aeromodelo "ARF" além do motor indicado será necessário um sistema de rádio controle com 4 canais no mínimo e os seguintes acessórios (válidos também no caso de aeromodelos "RTF"):

      • Combustível
      • Mangueira (tubo) de silicone
      • Hélices
      • Vela
      • Chave de vela
      • Bomba de combustível manual ou elétrica (*)
      • Bateria de partida (acendedor de vela)
      • "Safety Stick" para dar partida no motor ou "Starter" elétrico.(*)
      • Caixa de campo

      (*) Estes itens requerem bateria selada de 12V

      Algumas ferramentas básicas também são necessárias como:

      • Chave de boca para aperto da porca que prende a hélice
      • Chave de fenda pequena para ajustes no motor
      • Chave de fenda e philips
      • Conjunto de chaves Allen (sextavadas)

    • Até que distância o aeromodelo pode voar?

      Os modernos sistemas de rádio controle tem um alcance aproximado de 2 ou 3 quilômetros. Entretando os aeromodelos são voados à  distâncias bem menores pois à esta distância, fica impossível a visualização do aeromodelo.

    • O espaço que tenho em meu modelo é apertado e a antena do radio está encostando nos fios dos servos. Há algum problema?

      É importante que a antena não encoste nos fios dos servos e também em partes metálicas como arames de comando.

    • Como faço para manter o combustível glow em boas condições?

      Guarde o combustível em local seco e longe de fontes de calor, luz solar e fogo.

      Não deixe o recipiente de combustível destampado. Assim que o recipiente de combustível é aberto, ele entra em contato com a humidade do ar absorvendo água. A água é o maior agente degradante do combustível. A luz solar também contribui para a deterioração do combustível, mantenha o combustível na sombra.

    • Qual é a maneira correta de instalar os servos?

      1. Instale as borrachas de amortecimento em cada um dos furos de montagem do servo.
      2. Insira os ilhoses nos furos das borrachas pela parte de baixo. Desta forma, quando os servos forem montados no modelo, a parte larga dos ilhoses ficarão apoiadas em contato com a bandeja dos servos.
      3. Teste o posicionamento dos servos na bandeja para que não encostem na bandeja ou em outro servo. A única parte que toca na bandeja são os ilhoses. As borrachas amortecedoras isolam os servos das vibrações.
      4. Coloque o servo na posição e marque a posição onde será feito cada furo para aparafusar o servo. Em cada marca faça um furo com broca 1/16".
      5. Use os parafusos que acompanham o servo para montá-lo na bandeja. Aperte os parafusos até que toquem o topo do ilhós, não mais que isto.

    • A poeira e os resíduos do combustível não estragam meus servos instalados no exterior do modelo?

      A maioria dos servos atuais são totalmente vedados portanto a poeira e o oleo da descarga do motor não penetram no interior dos servos.

    • As dobradiça “CA”, para serem instaladas com colas a base de cianoacrilato, são seguras?

      As dobradiças CA são muito resistente e duráveis.

      Se bem instaladas, deixam o mínimo de espaço entre as superficies diminuindo a possibilidade de "flutter" e melhorando o rendimento aerodinâmico das superficies. Siga com atenção as orientações fornecidas pelo fabricante para instalação das dobradiças e para que tipo de aeromodelo podem ser utilizadas.

    • Posso instalar meu motor glow invertido, com o cabeçote para baixo?

      Pode, mas alguns cuidados adicionais deverão ser tomados principalmente se for um motor de 2 tempos.

      Tenha atenção com a posição do tanque de combustível em relação ao carburador do motor, siga rigorosamente a recomendação do fabricante do motor.

      Antes de dar partida, gire a hélice para verificar se não há calço hidráulico. Com o cabeçote para baixo fica muito fácil o acúmulo de combustível na câmara. Se for usado um starter nestas condições o motor poderá ficar danificado.

      Fique muito atento à decolagem após um tempo de funcionamento do motor em marcha lenta pois a vela se encharca com facilidade nesta posição e poderá não cumprir sua função quando solicitada causando a parada do motor durante a decolagem.

      Os motores de 4 tempos normalmente tem a vela inclinada no cabeçote o que evita de certa forma que a vela fique encharcada de combustível.

    • Quando devo usar um motor de 2 tempos ou 4 tempos?

      Um motor de 2 tempos é mais simples e normalmente mais leve que um motor de 4 tempos. Na maioria dos casos é também mais potente que motores 4 tempos de mesma cilindrada e desenvolvem maiores rotações girando hélices de alto passo e menores diâmetros.

      Um motor 4 tempos desenvolve maior torque em rotações mais baixas oferecendo melhor performance ascencional e maior "freio" nas linhas descendentes graças a utilização de hélices maiores mantendo uma velocidade mais constante. Aliada à um vôo com velocidade mais constante, o "som" do motor 4 tempos é mais "realístico" e bastante adequado para modelos escala.

    • Meu motor está coberto por uma carenagem com boa entrada de ar. Por que ele está superaquecendo?

      O tamanho da saída do ar deve ser no mínimo 2x maior que a entrada pois o ar ao passar pelo motor aquecido se expande e precisa de uma "porta" maior para sair com rapidez e liberar espaço para a entrada do ar frio.

      Na realidade, uma entrada de ar que force o fluxo de ar contra o motor pode até ser pequena pois uma camada de ar de apenas meio centímetro aproximadamente em volta do motor é que efetivamente faz o trabalho de refrigeração. Daí o uso de anteparos forçando o fluxo de ar nas partes de maior geração de calor ser uma prática nos capôs ou carenagens de modelos/motores de alta performance.

    • Estou instalando um motor a gasolina. O que devo fazer para evitar que o sistema de ignição do motor cause interferência no rádio?

      Vários cuidados deverão ser tomados:

      1. Todos os componentes do rádio (receptor, servos, chaves, bateria e etc.), deverão estar afastados pelo menos 30 cm de todos os componentes da ignição inclusive da chave que corta a ignição.
      2. Todos os comandos (pushrods) com ligação ao motor tem que ser de material não condutor de eletricidade (p. ex. pushrod de nylon).
      3. A chave manual de corte da ignição deve sempre ser montada no lado oposto da chave eletrônica de corte da ignição que é acionada pelo rádio.
      4. Verifique regularmente a condição e fixação dos cabos do sistema de ignição. Ao trocar a vela, use sempre as velas originais resistivas.

    • Quero inverter o sentido de rotação de um motor elétrico comum. Posso apenas inverter a polaridade para inverter o sentido de rotação?

      Nem sempre é recomendável porque na maioria dos motores elétricos as escovas são fixadas em uma posição otimizada para o giro do motor em determinado sentido. Ao inverter o sentido de rotação este "ponto" (timing) do motor elétrico fica alterado fazendo com que o motor funcione com menor eficiência e esquentando mais tendo assim sua vida útil diminuída.

      Os motores "brushless" podem ter seu sentido de rotação invertido bastando para isso que seus controladores eletrônicos de velocidade permitam a inversão de polaridade.

  • Automodelismo / Nautimodelismo

    • Que tipo de combustível e velas são recomendadas pela Traxxas?

      As velas recomendadas são as Traxxas #3230, #3231, ou #3232 com larga faixa de temperaturas, desenhadas especificamente para serem usadas nos motores TRX.

      Os motores TRX funcionam à uma temperatura mais alta que a maioria dos outros motores e por causa disso a Traxxas desenvolveu o combustível Top Fuel especialmente para os motores TRX. É o único combustível garantido e aceito pela Traxxas para uso em seus motores. O combustível Traxxas Top Fuel é formulado com 10%, 20% ou 33% de nitrometano.

    • Por que estou quebrando os dentes da coroa?

      Provavelmente o encaixe entre o pinhão do motor e a coroa não está ajustado corretamente. Quando você casa a coroa com o pinhão, deve deixar uma ligeira folga entre os dois conjuntos de dentes. Para isso, corte uma estreita tira de papel comum de caderno e coloque-a entre as engrenagens. A tira de papel serve com gabarito para ajustar a folga necessária. Afrouxe os parafusos do motor e deslize o motor com o pinhão para o encaixe com a coroa. Reaperte os parafusos do motor e então retire a tira de papel. Você deverá ser capaz de passar uma nova tira de papel entre os dentes das engrenagens. Se houver uma folga maior que a descrita aqui, você continuará arrancando facilmente os dentes da coroa.

    • Meu motor não dá partida. Como faço?

      Na maioria dos casos o motor não dá partida por causa do ajuste incorreto do carburador, vela com problema, imprópria ou encharcada ou combustível inadequado. Tenha certeza de usar uma vela das recomendadas pela Traxxas para seu motor TRX. Use o combustível Top Fuel da Traxxas. Certifique-se, para amaciamento, que a agulha de alta esteja aberta com 2 ½ voltas (a agulha de lenta deve estar aberta com 1 ¾ de volta. Veja no manual maiores informações sobre o ajuste do carburador.

      Se ainda persistirem problemas em dar partida no motor ou mantê-lo funcionando, tente trocar a mangueira de combustível que pode estar deixando passar ar. Verifique todas as conexões para assegurar que não haja algum bloqueio que impeça a pressurização do tanque ou a passagem do combustível para o carburador.

    • Posso navegar com meu barco Traxxas em águas salgadas?

      Todos os nossos barcos podem ser usados em águas salgadas. Assim como os barcos em escala cheia, os nautimodelos precisam ser lavados com água doce após o uso e então lubrificados para ajudar a prevenir a corrosão. Remova ou proteja o sistema de rádio antes de lavar o barco com a água doce. Periodicamente remova o topo do cabeçote de refrigeração à água onde ele existir, para retirar o sal e depósitos minerais que se acumulam. Observe com bastante atenção a lubrificação dos eixos motrizes para evitar a ferrugem.

  • Empresarial

    • Posso comprar direto da Diniz Esteves Enterprises?

      Vendemos somente para revendas (lojas) cadastradas na DEE e que tem constante no seu contrato social a atuação no ramo de modelismo. Não vendemos diretamente ao consumidor.

    • Quero abrir uma revenda. O que devo fazer para comprar da Diniz Esteves Enterprises?

      ("Temos como um de nossos objetivos o fortalecimento e sucesso das revendas por isso...")

      Somente atendemos revendas estabelecidas fisicamente e abertas ao público (não atendemos lojas virtuais). É obrigatório que conste em seu contrato social a atuação no ramo de modelismo.

      Outros requisitos também são necessários. Maiores informações no telefone (31) 3378.3377.

    • Estou montando uma página na internet para vendas de produtos ligados ao modelismo. Posso comprar da Diniz Esteves Enterprises?

      Para comprar da DEE a loja deve estar comprovadamente instalada com portas abertas para venda no galpão para o público. Não atendemos lojas virtuais com vendas exclusivamente pela internet.

    • Tenho um produto distribuído pela DEE que apresentou problemas. Como faço uso da garantia?

      Não tente consertá-lo. Para que a garantia tenha validade o produto não pode ter sido violado. Se a solução do problema requer conhecimento especializado ou violação do produto, entregue o produto completo na loja onde foi adquirido acompanhado de relatório pormenorizado e objetivo escrito de próprio punho e assinado por você. A loja nos enviará o produto com o relatório (imprescindível) para ser analisado.

      No relatório deverá constar as circunstâncias, sintomas, acessórios utilizados juntos com o produto (se for o caso) e todo o histórico que possa ajudar a diagnosticar e solucionar o problema.

      Caso o problema não se enquadre nas condições de garantia; mau uso, violação, etc., será dado um retorno à loja com uma avaliação técnica e orçamento para que seja feito o conserto caso você autorize.

      Não sendo garantia, as despesas de envio e retorno do produto serão pagos pelo cliente.

    • Qual é o prazo de garantia dos produtos?

      O prazo de garantia é de 03 (três) meses a partir da data da venda ao consumidor exceto para os produtos que se fazem acompanhar de certificado específico.

    • Qual a cobertura da garantia?

      A garantia é dada nos casos de falha na fabricação e materiais defeituosos. A garantia dos produtos importados e/ou distribuídos pela Diniz Esteves Enterprises cobrirá o conserto, reparo, substituição de parte ou do produto inteiro sempre a critério da Distribuidora.

    • Quando um produto perde direito à garantia?

      Além do vencimento do prazo de validade da garantia, estarão sujeitos à perda de garantia e das responsabilidades do fabricante e da distribuidora os produtos como um todo e/ou seus componentes cujas falhas forem causadas por acidente, incompetência no manuseio ou mau uso, bem como se os mesmos tiverem sidos violados, modificados, desmontados ou manuseados por terceiros.

    • Comprei um aeromodelo para manobras 3D e ele quebrou voando. O fabricante não aceitou o pedido de garantia, porque?

      Os modelos criados especialmente para alto desempenho em manobras 3D são projetados no limite do equilíbrio resistência estrutural x peso e contam com enormes e frágeis superfícies de comando essenciais para este tipo de vôo.

      São aeromodelos muito especializados para um tipo radical de vôo no limite. Portanto, os fabricantes não podem garantir a integridade deste tipo de modelos.

  • Tecnologia DSM 2.4 GHz

    • Quais são os rádios com os quais os Módulos Aéreos Spektrum são compatíveis?

      Três tipos de Módulos Aéreos Spektrum estão disponíveis. O módulo JR serve em rádios JR baseados em módulos, incluindo o XP8103, XP9303, 10X, 347, 388 PCM 10, PCM 10S, PCM 10SX e PCM 10SXII. Os módulos Spektrum Futaba servem em todas as versões do Futaba 7, 9C e 9Z. Os módulos Spektrum MZ foram projetados para servir nos rádios Futaba 12 e 14 MZ

    • Por que só tenho 9 canais com o JR e 8 canais com o Futaba, quando instalo os módulos em transmissores que tem originalmente 10, 12 ou 14 canais?

      Módulos Aéreos Spektrum operam utilizando o modo PPM de saída do transmissor. É necessário colocar o transmissor em modulação PPM antes de operar os Módulos Aéreos Spektrum. Os rádios JR 9 e 10 canais transmitem 9 canais em modo PPM enquanto os Futaba 9, 12 e 14 transmitem 8 canais no modo PPM.

    • Esta é uma tecnologia nova. Como posso estar seguro que os Módulos Aéreos Spektrum fornecerão um link sólido e livre de interferência com o máximo de alcance?

      Na realidade, a tecnologia de Rádio Freqüência (RF)  é a mesma utilizada no DX-7. Existem hoje milhares de DX-7 operando dezenas de milhares de vôos com sucesso em todo tipo de modelos- a tecnologia está comprovada. De fato, nosso Diretor Técnico, John Adams tem testado os Módulos Aéreos Spektrum por 2 anos.  Além disto tivemos muitos módulos nas mãos de pessoas os testando por meses antes de os liberamos à venda.

    • Qual o propósito da Porta de Dados no receptor AR9000?

      Um acessório opcional chamado Flight Log (SPM9540) está disponível e se pluga  nesta porta. Após um vôo e antes de desligar o receptor, o Flight Log mostra a performance de conexão de RF dos vôos anteriores. Parâmetros indicados incluem a quantidade de bits perdidos em cada receptor remoto, o numero de frames perdidas (bits simultâneos perdidos em todos os receptores) e armazena. Além disto, a voltagem da bateria principal do receptor será mostrada. O Flight Log é uma ferramenta importante para confirmar que seu sistema e instalação estão otimizados e funcionando perfeitamente.

    • O Model Match funciona nos Módulos Aéreos Spektrum?

      NÃO. Model Mach é uma característica patenteada que previne um modelo de ser operado usando a seleção de memória errada no transmissor. Model Match só pode ser integrada a um transmissor Spektrum dedicado, como o DX7. A programação necessária a fazer o Model Match funcionar está embutida na programação do transmissor e não no módulo de freqüência.

    • Eu escuto um bocado sobre latência e tempo de resposta. Supostamente o DX-7 é mais rápido que qualquer sistema de 72 MHz. Os módulos são tão rápidos quanto o DX7?

      O DX7 é um rádio construído especificamente para 2.4 GHz. No DX7. os inputs dos sticks são convertidos em sinal digital sem passar pelo fluxo PPM. Esta é a primeira razão pela qual o DX7 é tão rápido. O Módulo precisa usar o fluxo PPM do transmissor, e o converte em código digital. Por conta deste passo adicional, o módulo não consegue ser tão rápido quanto o DX7. Contudo, o fluxo PPM é mais rápido que o PCM. Portanto, no final a velocidade e latência do Módulo é equivalente aos sistemas PCM.

    • Os Módulos transmitem em 2 canais, como o DX7?

      Sim, os módulos tem a tecnologia DSM2 com dual link. Quando ligado, o transmissor escaneia a banda de 2.4 GHz e encontra um canal livre para transmitir. Então escaneia de novo e encontra um segundo canal livre. E trava nos dois. Uma vez completo o processo,o transmissor transmite nos dois canais. Uma vez ligado, o receptor escaneia o espectro em busca de seu GUID (Identificador Único Global) e quando encontrado, trava em ambos os canais. O sistema Dual Link permite ao modelista um caminho redundante, oferecendo um nível de segurança não disponível com os sistemas de um canal e receptor simples.

    • O AR900 tem uma configuração diferente dos outros receptores. O que há mais a respeito dele?

      O AR900 tem dois receptores internos mais um receptor remoto. Tem no mínimo 3 receptores funcionando simultaneamente. Isto e chamado tecnologia Muti-Link. Um quarto receptor adicional pode ser plugado numa porta adicional, para redundância extra ou em aplicações criticas como em aviões com turbina a querosene, onde muito material condutivo está presente. O AR9000 também possui uma porta de dados que permite a conexão do Flight Log opcional, possibilitando que o link de rádio possa ser monitorado após cada vôo.

    • Entendo que o AR9000 tem dois tipos de fail safe?

      O AR900 tem dois tipos de fail safe: o comum e o Smart Safe. O Smart Safe moverá o servo de aceleração para uma posição pré-determinada e o outros servos manterão a ultima posição, caso haja perda de sinal. O AR9000 também tem o fail safe comum que move os servos para uma posição pré-determinada.  Em qualquer caso, no retorno do sinal, o controle completo retorna em 4 ms.

    • Quando instalar o módulo no meu rádio, toda a minha programação (trim, servo travel, etc) terá de ser mudada?

      Não. Todos os ajustes programados são idênticos quando mudado do sistema 72MHz para o Spektrum 2,4 GHz.

    • Existem limitações de servos?

      Como todo sistema Spektrum, qualquer servo de 3 fios atualmente disponível, incluindo os digitais, analógicos ou de alta capacidade.

    • Quanta corrente o módulo gasta?

      O sistema é muito eficiente. Com um consumo de 220mAH, isto significa duração de quase 7 horas para uma bateria de 1500 mAh.

    • Quais receptores funcionarão com os módulos?

      Todos os disponíveis hoje e futuros com tecnologia DSM2. O único receptor não compatível é o AR6000 parkflyer.

    • Há algo mais que eu deva saber antes de operar um Módulo Spektrum?

      Os seguintes pontos estão claramente cobertos no manual e precisam ser seguidos:
      · Tenha certeza que o transmissor está no modo PPM. Consulte o manual original de teu rádio para saber como colocá-lo no modo PPM. NOTA: o módulo Spektrum só funciona no modo PPM (NÃO opera no modo PCM)
      · Nunca ligue o módulo a não ser que a antena esteja conectada. Caso contrário, o módulo será sobrecarregado e pode ser danificado.
      · Antes de operar, o receptor precisa estar "amarrado" ao transmissor (bind). O bind é o processo no qual o receptor aprende o GUID exclusivo do transmissor. O bind também habilita o fail safe. É recomendado o bind toda vez que o rádio é reprogramado, para garantir que o sistema opera apropriadamente.
      · Quando usar o módulo em conjunto com o receptor AR6100 DSM2 Microlite de 6 canais, é imperativo que este receptor seja usado apenas em modelos tipo park flyer. Incluem-se aí todos os tipos de aviões pequenos elétricos, mini e micro helicópteros. NÃO voe o receptor AR6100 em modelos grandes a gasolina ou glow. Podem ocorrer perdas de sinal nas longas distâncias requeridas por estes modelos.
      · Os Módulos apresentam tecnologia DSM2 e são compatíveis com todos os receptores DSM2. Os módulos não são compatíveis com os receptores AR6000 DSM de primeira geração.

    • Qual é o alcance do rádio DX7? Posso voar modelos grandes com o sistema?

      O DX7 tem alcance acima do limite visual, permitindo que até aviões escala gigante e grandes planadores possam voar no limite do alcance visual.

      O receptor AR7000 incorpora um segundo receptor montado com um pequeno afastamento do receptor principal que “vê” um meio ambiente de emissões de RF ligeiramente diferente. Este receptor remoto é a chave que permite que sofisticados modelos de todos os tamanhos e tipos mantenham uma sólida ligação transmissor/receptor além dos limites do alcance da visão.

    • O que é a tecnologia DSM2 do rádio Spektrum DX7?

      A tecnologia DSM2™ é a segunda geração do protocolo amplo espectro da Spektrum.

      A DSM2 (Digital Spektrum Modulation 2ª versão) é otimizada para permitir que todos os tipos e tamanhos de aeromodelos possam ser voados. Com a tecnologia DSM2, a latência (tempo que o sistema de rádio leva para traduzir as informações do transmissor em a resposta dos comandos no modelo) foi imensamente reduzida e de fato, o sistema oferece uma resposta de comandos mais rápida que qualquer sistema PCM 72MHz.

    • O que é "Model Match" do rádio DX7?

      O "Model Match"™ (patent pending) é um recurso dos transmissores DSM2, que evita que o piloto voe um modelo usando a memória errada.

      Durante o processo de “amarrar” (binding) ou seja, o processo de “ensinar” ao receptor o código específico do transmissor, o receptor realmente memoriza os dados da memória do modelo específico que está selecionado durante o binding. Mais tarde, se o sistema de rádio for ligado e a memória de um modelo diferente for selecionada, o sistema não funcionará. Isso previne o desastre que é voar inadvertidamente um modelo usando a memória de outro. Simplesmente selecione a memória correta do modelo para o sistema conectar.

    • O DX7 funciona com o receptor AR6000 que acompanha o rádio DX6?

      Sim.
      O receptor AR6000 funciona perfeitamente com o transmissor DX7.

      O AR6000 é um receptor específico para uso somente com parkflyer e mini helicópteros mesmo utilizando o transmissor DX7. O recurso “Model Match” também funciona perfeitamente quando se usa o AR6000 com o transmissor DX7.

    • Quantos vôos obtenho com a bateria totalmente carregada do transmissor DX7?

      A carga da bateria de 1500mAh do transmissor DX7 é suficiente para que você possa somar perto de 6 horas de vôos em um fim de semana.

    • Posso usar outras marcas de servos incluindo os digitais com o DX7?

      Sim.
      Todas as marcas mais conhecidas de servos com três fios, incluindo digitais, mesmo os digitais que demandam muita corrente funcionam com o sistema DX7.

    • Há alguma orientação para a montagem do receptor AR7000 do DX7 nos modelos?

      Monte a parte principal do receptor exatamente como você faria com um receptor convencional 72MHz em seu avião ou helicóptero, porém deixando as antenas direcionadas para as laterais da fuselagem.
      Proteja o receptor com espuma.
      O receptor satélite deve ser montado no mínimo com 5cm de distância entre suas antenas e as antenas da parte principal do receptor. O ideal é que as antenas do receptor principal e do receptor satélite estejam orientadas com 90 graus entre elas.

      Em um avião, a lateral da fuselagem ou o “turtle deck” são locais ideais. Nos helicópteros, a lateral da bandeja do rádio é um bom lugar para o receptor satélite. Fita para fixação de servo é ideal para a montagem do receptor satélite.

    • Os fios das antenas do receptor AR7000 são muito curtos. Por que tão curtos?

      Cada antena tem 3,2cm (1.25”) de comprimento. O comprimento de onda de 2.4GHz é muito mais curta que a de 72MHz sendo esta a razão porque a antena é tão curta. Isso facilita muito na montagem do receptor no modelo porque você não tem que se preocupar com o que fazer com o longo fio de antena dos receptores 72MHz.

    • Quando estiver usando longas extensões de servos eu devo usar amplificadores ou filtros?

      Não.
      O sistema 2.4GHz da Spektrum é imune à interferências causadas por longas extensões de servos não havendo necessidade de adicionar qualquer tipo de filtragem ou amplificadores de sinal. Na realidade, alguns tipos de extensões “Y” amplificadas não operam com o sistema Spektrum.

Diniz Esteves Enterprises

Avenida Barão Homem de Melo, 3500

Bairro Estoril - Belo Horizonte - MG - CEP 30494-270

Telefone: (31) 3378-3377    

Fax: (31) 3378-4186